quinta-feira, 7 de maio de 2020

FIGURAS DE LINGUAGEM NO TEXTO BÍBLICO

Hermenêutica – Prof. Márcio Ruben
FIGURAS DE LINGUAGEM NO TEXTO BÍBLICO
Metáfora: é a figura em que se afirma que alguma coisa é o que ela representa ou simboliza, ou com o que se compara. (Zc.3.8).
Símile: também afirma que alguma coisa é o que ela representa ou simboliza, sendo que apresenta um elemento comparador. (Is.53.2).
Metonímia: o emprego do nome de uma coisa pelo de outra com que tem certa relação (Gn.25.26; Lc.16.29; Gn.41.13; Jó.32.7)
Sinédoque: a substituição de uma ideia por outra que lhe é associada (Mt.3.5; 6.11; Gn.3.19; 19.20).
Hipérbole: É a afirmação em que as palavras vão além da realidade literal das coisas (Dt.1.28).
Ironia: É a expressão dum pensamento em palavras que, literalmente entendidas, exprimem sentido oposto (Gn.3.22;Jz.10.14; Jó.12.2; Mt.27.40).
Prosopopeia: É a personificação de coisas ou de seres irracionais (Sl.35.10; Jó.12.7; Gn.4.4).
Antropopatia e Antropomorfismo: São as linguagens que atribuem a Deus ações e faculdades humana  ou até órgãos e membros do corpo humano (Gn.8.12; Sl.74.11).
Enigma: É a enunciação duma ideia em linguagem difícil de entender. (Jz.14.14)
Parábolas: É uma forma de história colhida da natureza ou de ocorrências diárias normais, que lança luz sobre uma lição moral ou religiosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

História da Filosofia

História da Filosofia
Dicionário da História da Filosofia